Translations:History of nonbinary gender/40/pt-br

From Nonbinary Wiki
Jump to navigation Jump to search
  • O estudioso Jennie June (nascida em 1874) se identificou como "fada", "andrógino", "homem afeminado" e "invertido", termos contemporâneos para gênero e variância sexual. Sua transição incluiu mudar seu nome completo para Jennie June, e escolher ser castrada, a fim de reduzir os pelos faciais e os desejos sexuais que a perturbavam. June publicou sua primeira autobiografia, The Autobiography of an Androgyne em 1918, e seu segundo The Female-Impersonators em 1922. Seu objetivo ao escrever seus livros era ajudar a criar um ambiente de aceitação para jovens adultos que fazem não aderir a gênero e normas sexuais, porque era isso que ela queria para si mesma, e ela queria evitar que os jovens cometessem suicídio.[1] June had formed the Cercle Hermaphroditos in 1895, along with other androgynes who frequented Paresis Hall in New York City. The organization was formed in the hopes "to unite for defense against the world's bitter persecution," and to show that it was natural to be gender and sex variant.[2]
  1. Meyerowitz, J. "Thinking Sex With An Androgyne". GLQ: A Journal of Lesbian and Gay Studies 17.1 (2010): 97–105. Web. Retrieved April 13, 2017.
  2. Katz, Jonathan Ned. "Transgender Memoir of 1921 Found". Humanities and Social Sciences Online. N.p., 10 October 2010. Web. Retrieved April 13, 2017.